O snowboarder Ledecká vence novamente. Ela também conseguiu slalom gigante em Bansko

reforçou a sua liderança na disciplina e ordem no domingo após a próxima corrida em Bansko ela poderia ter algum pequeno globo. Ao mesmo tempo, dominou o ranking geral e SP.

“Está tudo bem, está tudo bem”, ele comentou Ledecká fato de que domina a temporada. “Eu estava fazendo o melhor, eu estava treinando para andar bem. Eu ainda estou fazendo isso. Estou feliz em ver como a temporada está evoluindo. Espero que eu ainda vou melhorar “, disse ela.

Na localidade búlgara de vinte e dois corredores seguiram os triunfos deste inverno em Carezza, Cortina d’Ampezzo, Lackenhof e Rogla. Confirmando que ele vai estar nos próximos Jogos Olímpicos em Pyeongchang maiores esperanças de medalha da República Checa.

“Foi uma grande corrida. A colina local é muito agradável, há ótimos fãs aqui.Stand foi repleto de pessoas, todos aplaudiram e gritaram quando fui eu. Corrida eu gostava, que era um pouco luta, porque a pista estava completamente quebrado, mas no final tudo correu bem e estou feliz “, disse ela em um comunicado de imprensa suas agências representativas Sportinvest.

Triumph em Bansko, mas quase ganhou. Nas semifinais, teve montou em um duelo com uma mulher alemã Ramona Hofmeisterová gradualmente até quase um objetivo por trás, mas arriscando o vencedor da última slalom gigante em Rogla perto antes do final da pista. “Concentrei-me na minha carona e tentei não perceber que ela estava à minha frente. Ela então cometeu um erro, então eu ganhei. Isso vai acontecer.Este é o esporte “, disse Ledecká.

O atual campeão mundial e defender vitória geral na Copa do Mundo em disciplinas paralelas Ledecká antes da quinta vitória temporada e qualificação. A soma de ambas as vezes batendo o outro austríaca Julia Dujmovitsovou por mais de um segundo.

No primeiro turno de trabalho forçado Suíça em Stefanie Müller erros rivais e não terminar o passeio, apenas quartas virou contra outro Švýcarce Laden Jenny. Nas semifinais, ela foi com felicidade sobre o Hofmeister, nas finais foi novamente sem hesitação e Jörgovou derrotada de maneira convincente por seis décimos de segundo.

Ledecká que os Jogos Olímpicos presentes além de snowboard e esqui alpino, perdeu a segunda corrida anterior SP no Rogle devido a doença.Ainda não exatamente cem por cento.

“Eu não era um padrinho. Decidi até o último momento que iria correr, mas no final me senti confortável pela manhã. Eu realmente não tenho o poder de doar, sou um pouco fraco. Mas eu senti que poderia lidar com isso. E ela fez isso “, disse ela. Ela conta que vai começar o slalom gigante de domingo. “Todo dia é melhor. Vamos ver se eu vou ter uma sessão de treinamento leve no sábado, ou descansar, eu tenho que conversar com treinadores. No domingo, no entanto, eu deveria estar em forma “, disse Ledecká.